As férias escolares estão chegando ao fim e aproxima-se o momento em que as crianças deverão retornar à escola. Esse período que antecede a volta às aulas costuma ser estressante para famílias e os pequenos. As longas horas de sono, o lazer variado e a descontração serão substituídos pela rotina diária e rígida que envolve as atividades escolares. Além disso, este costuma ser um momento difícil de transição para a maioria dos estudantes, já que enfrentarão o desafio de uma nova série escolar. Mudança de professores, chegada de novos alunos, objetivos mais complexos a serem atingidos e expectativa dos pais em relação ao desempenho na nova etapa escolar são situações que podem gerar estresse excessivo para as crianças, podendo, inclusive, gerar alterações comportamentais.

Com condutas e atitudes certas, pode-se demonstrar que o retorno à escola (e à rotina) não precisa necessariamente ser difícil. 

Por isso, separamos algumas dicas que podem ajudar nesta importante etapa de transição:

1) Ouça o que a criança tem a dizer. Converse com a criança e identifique quais são seus medos e preocupações.

2) Antecipe a rotina: Com alguns dias de antecedência estabeleça horários para dormir, acordar e fazer as refeições. 

3) Organize o ambiente e o material de estudo. Junto com a criança, organize o local em que as tarefas escolares serão realizadas. 

4) É importante que horários sejam estabelecidos e a rotina seja organizada: O dia-a-dia de pais e crianças costuma ser “apertado” em relação ao tempo e não é incomum que haja discussões, estresse e atrasos no momento de ir para a escola. 

5) Prepare o material escolar com antecedência.

6) Elabore um calendário semanal de atividades que serão realizadas durante o ano letivo, estabelecendo horários para realização de deveres escolares e atividades extracurriculares.

7) Tenha sempre uma relação amigável e de respeito com os profissionais da educação e envolva-se nas atividades curriculares e extracurriculares de seu filho.

8) Grande parte dos problemas enfrentados pelas crianças na escola são decorrentes da relação destes com seus pares. Aos pais, então, cabe não só ensinar valores positivos aos seus filhos, mas também serem exemplo de conduta para os mesmos. Lembre-se, é na escola que as crianças colocarão em prática os valores ensinados e vivenciados em casa.

9) Tenha em mente que o possível mal humor inicial gradativamente será substituído pelo prazer de rever os amigos, fazer novos e envolver-se com o aprendizado geral que somente a escola propicia.

Para maiores informações consulte um especialista

CLÍNICA REVITALLE
Praça Oscar Thompson Filho 3221
Telefone: (44) 3622-4836
Umuarama - PR